[How To] Proteções cerâmicas em spray fáceis de aplicar: Merecem a pena?

Detalhe

Administrador
Staff
Ultimamente têm surgido várias proteções cerâmicas para a pintura em spray, fáceis de aplicar, e uma pergunta quase diária é se valem a pena em relação aos revestimentos tradicionais. A resposta é, sim, valem a pena em vários sentidos.

As proteções cerâmicas 'normais' ou tradicionais, contêm uma percentagem de SiO2 grande, que lhes permite criar uma película na pintura cuja expessura pode ser medida em µ, normalmente à volta de 3. Esta película é muito dura, podendo chegar até a 9H. É a chamada proteção física, que protege entre outras, dos pequenos riscos resultantes do contacto. Ao lavar, ao roçar um saco de compras, etc. É a proteção que normalmente mais tempo dura.

Atualmente quase todos os revestimentos cerâmicos físicos são complementados pela componente química, que além de proteger o primeiro contra certos contaminantes, proporciona maior suavidade ao acabamento, aumentando a sua capacidade de repelência e auto limpeza, e maior "brilho".

Então, é mais ou menos este último componente, o químico, com uma percentagem de SiO2 ou TiO2 muito menor, mas com a mesma suavidade, repelência de água (hidrofobia), auto limpeza e 'aspeto'. Sendo muito mais fáceis de aplicar, alguns como o Gliss da Fictech tão fáceis como um normal QD, são a porta para quem quer entrar no mundo das proteções cerâmicas, sem seguir os passos completos, ainda que sem a mesma dureza e durabilidade. Recordar que os primeiros coatings de quartzo deixaram mossa, muita gente ainda tem medo de fazer asneira ao aplicar cerâmica, apesar de hoje em dia serem muito mais tolerantes e fáceis de usar.

Posto isto, podemos considerar a aplicação das cerâmicas como a Mothers CMX, Meguiars Hybrid Ceramic Wax, Fictech Gliss ou a nova One, por si só são uma excelente opção:

- Como complemento de uma proteção cerâmica existente, reforçando a qualidade do acabamento, suavidade e durabilidade.
- Como proteção única, beneficiando das suas características hidrofóbicas, suavidade e brilho equivalentes ao revestimento 'completo'.
- Como complemento a outro tipo de proteção existente.

A durabilidade deste tipo de cerâmicas varia atualmente dos 2 as 12 meses, obviamente dependente do uso que o veículo tem e do cuidado na sua manutenção. Por isso, sendo tão fáceis de aplicar, não custa nada dar mais uma camada ao fim de 3 ou 6 meses.

Preparação para aplicação. Como qualquer outra proteção, o aspeto final e a durabilidade vão depender da preparação da superfície, nenhuma cera, selante ou coatings faz milagres numa base descuidada. Assim, a superfície descontaminada e desengordurada serão uma base excelente para a sua aplicação. E se não tiver riscos ainda melhor!
 
Ultimamente têm surgido várias proteções cerâmicas para a pintura em spray, fáceis de aplicar, e uma pergunta quase diária é se valem a pena em relação aos revestimentos tradicionais. A resposta é, sim, valem a pena em vários sentidos.

As proteções cerâmicas 'normais' ou tradicionais, contêm uma percentagem de SiO2 grande, que lhes permite criar uma película na pintura cuja expessura pode ser medida em µ, normalmente à volta de 3. Esta película é muito dura, podendo chegar até a 9H. É a chamada proteção física, que protege entre outras, dos pequenos riscos resultantes do contacto. Ao lavar, ao roçar um saco de compras, etc. É a proteção que normalmente mais tempo dura.

Atualmente quase todos os revestimentos cerâmicos físicos são complementados pela componente química, que além de proteger o primeiro contra certos contaminantes, proporciona maior suavidade ao acabamento, aumentando a sua capacidade de repelência e auto limpeza, e maior "brilho".

Então, é mais ou menos este último componente, o químico, com uma percentagem de SiO2 ou TiO2 muito menor, mas com a mesma suavidade, repelência de água (hidrofobia), auto limpeza e 'aspeto'. Sendo muito mais fáceis de aplicar, alguns como o Gliss da Fictech tão fáceis como um normal QD, são a porta para quem quer entrar no mundo das proteções cerâmicas, sem seguir os passos completos, ainda que sem a mesma dureza e durabilidade. Recordar que os primeiros coatings de quartzo deixaram mossa, muita gente ainda tem medo de fazer asneira ao aplicar cerâmica, apesar de hoje em dia serem muito mais tolerantes e fáceis de usar.

Posto isto, podemos considerar a aplicação das cerâmicas como a Mothers CMX, Meguiars Hybrid Ceramic Wax, Fictech Gliss ou a nova One, por si só são uma excelente opção:

- Como complemento de uma proteção cerâmica existente, reforçando a qualidade do acabamento, suavidade e durabilidade.
- Como proteção única, beneficiando das suas características hidrofóbicas, suavidade e brilho equivalentes ao revestimento 'completo'.
- Como complemento a outro tipo de proteção existente.

A durabilidade deste tipo de cerâmicas varia atualmente dos 2 as 12 meses, obviamente dependente do uso que o veículo tem e do cuidado na sua manutenção. Por isso, sendo tão fáceis de aplicar, não custa nada dar mais uma camada ao fim de 3 ou 6 meses.

Preparação para aplicação. Como qualquer outra proteção, o aspeto final e a durabilidade vão depender da preparação da superfície, nenhuma cera, selante ou coatings faz milagres numa base descuidada. Assim, a superfície descontaminada e desengordurada serão uma base excelente para a sua aplicação. E se não tiver riscos ainda melhor!
Podemos aplicar cera em cima de proteções cerâmicas para aumentar mais o brilho?
 
Ultimamente têm surgido várias proteções cerâmicas para a pintura em spray, fáceis de aplicar, e uma pergunta quase diária é se valem a pena em relação aos revestimentos tradicionais. A resposta é, sim, valem a pena em vários sentidos.

As proteções cerâmicas 'normais' ou tradicionais, contêm uma percentagem de SiO2 grande, que lhes permite criar uma película na pintura cuja expessura pode ser medida em µ, normalmente à volta de 3. Esta película é muito dura, podendo chegar até a 9H. É a chamada proteção física, que protege entre outras, dos pequenos riscos resultantes do contacto. Ao lavar, ao roçar um saco de compras, etc. É a proteção que normalmente mais tempo dura.

Atualmente quase todos os revestimentos cerâmicos físicos são complementados pela componente química, que além de proteger o primeiro contra certos contaminantes, proporciona maior suavidade ao acabamento, aumentando a sua capacidade de repelência e auto limpeza, e maior "brilho".

Então, é mais ou menos este último componente, o químico, com uma percentagem de SiO2 ou TiO2 muito menor, mas com a mesma suavidade, repelência de água (hidrofobia), auto limpeza e 'aspeto'. Sendo muito mais fáceis de aplicar, alguns como o Gliss da Fictech tão fáceis como um normal QD, são a porta para quem quer entrar no mundo das proteções cerâmicas, sem seguir os passos completos, ainda que sem a mesma dureza e durabilidade. Recordar que os primeiros coatings de quartzo deixaram mossa, muita gente ainda tem medo de fazer asneira ao aplicar cerâmica, apesar de hoje em dia serem muito mais tolerantes e fáceis de usar.

Posto isto, podemos considerar a aplicação das cerâmicas como a Mothers CMX, Meguiars Hybrid Ceramic Wax, Fictech Gliss ou a nova One, por si só são uma excelente opção:

- Como complemento de uma proteção cerâmica existente, reforçando a qualidade do acabamento, suavidade e durabilidade.
- Como proteção única, beneficiando das suas características hidrofóbicas, suavidade e brilho equivalentes ao revestimento 'completo'.
- Como complemento a outro tipo de proteção existente.

A durabilidade deste tipo de cerâmicas varia atualmente dos 2 as 12 meses, obviamente dependente do uso que o veículo tem e do cuidado na sua manutenção. Por isso, sendo tão fáceis de aplicar, não custa nada dar mais uma camada ao fim de 3 ou 6 meses.

Preparação para aplicação. Como qualquer outra proteção, o aspeto final e a durabilidade vão depender da preparação da superfície, nenhuma cera, selante ou coatings faz milagres numa base descuidada. Assim, a superfície descontaminada e desengordurada serão uma base excelente para a sua aplicação. E se não tiver riscos ainda melhor!
O gyeon wetcoat entra um pouco nessa gama de protetores cerâmicos apesar de ser uma proteção muito mais fraca correto?
 
Não achei! É apenas uma questão de ter tempo para o fazer... basicamente tem de ter dois dias livres para fazer o procedimento em condições e com calma
 
Top